Poemas Apresentados ao III Prémio de Poesia em Rede - Publicação Provisória
1.3.09

 PARA SEMPRE

 

Vejo um sorriso enternecedor,

Que me mostra a beleza do eterno amor!

Ouço uma voz doce a querer cantar,

Já que não existe a preocupação de falhar!

Sinto a inocência pura de quem sabe brincar,

Tudo em seu redor é bom para festejar!

 

Sabe bem ter estes sentidos,

Fazem relembrar todos os momentos já vividos!

Sem dúvida me levam a crer,

O quanto vale a pena uma pessoa viver!

Mas pergunto-me se todos pensamos assim,

Mesmo sabendo que o tempo passa e tem um fim.

 

A procura pela resposta vai continuar,

Mas algo de certeza eu sei!

Continuo a sorrir, a cantar e a brincar,

Já que de ser criança nunca me cansei.

A base da resposta descobri eu agora!

Ver, ouvir e sentir como criança, jamais irá embora!

 

 

 

 

Inês Correia

                                                                                 

 

 

link do postPor poesiaemrede, às 11:33 

De Anónimo a 1 de Março de 2009 às 11:38
Destaques do Mês em : www.kacto.blogs.sao.pt

De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Poesia em Rede
 
Poesia em Rede
Março 2009
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6
7

8
9
12
13

15
16
19
20
21

22
24
25
27

29
31


Leituras
subscrever feeds
blogs SAPO
Contador de visitas