Poemas Apresentados ao III Prémio de Poesia em Rede - Publicação Provisória
7.3.09

menina

 

menina que lês o livro de estudos

sentada à mesa nesse banco de madeira

tu

sim

menina

és mais livre que a liberdade

livre

porque enquanto lês sorris candidamente

com o pensamento a vaguear lá por fora

a subir montes

a molhar os pés nas poças

a trepar às árvores do pomar

a saltar à corda com outras como tu

livre

porque o mundo é o que a tua imaginação quer que seja

e tu

podes sorrir nos dias de chuva

podes chorar se faz sol

podes tudo

e tudo é o teu voar de mansinho sobre cada frase

pousando calmamente nas letras que escolhes sem saberes porquê

sê livre

pinta um sorriso no sol do dia-a-dia

faz uma lua no meio das estrelas

e canta bem alto essa cantiga de faz-de-conta

 

 

dm

 

     

link do postPor poesiaemrede, às 02:02  ver comentários (2) comentar

Título: "Raio de Sol"



Flor que desabrocha,

 

raio de sol que tudo ilumina em seu redor…

 

Inocência tão jovem… tão bela…

 

Não cresças, eterna criança!

 

Fica para sempre presa nos laços da infância,

 

sobre as estrelas do teu céu…

 

Deixa que a luz desponte em ti,

 

que o vento sopre orgulhoso no nosso jardim:

 

“Nasceu uma nova flor…”




                                                                     Joana Assis


 

link do postPor poesiaemrede, às 01:57  ver comentários (2) comentar

Poesia em Rede
 
Poesia em Rede
Março 2009
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6
7

8
9
12
13

15
16
19
20
21

22
24
25
27

29
31


Leituras
subscrever feeds
blogs SAPO
Contador de visitas